Blog

Banner Blog Granja Marileusa

Cappini Incorporações: nossa nova parceira!

Granja Marileusa

Nós sabemos que a inovação só vale se estiver em sintonia com o meio ambiente. Assim, temos o orgulho de anunciar nossa parceria com a Cappini Incorporações e Negócios Inteligentes, de São Paulo, para a construção de um empreendimento sustentável no Granja Marileusa.

A parceria foi celebrada em um café da manhã especial, com a presença do CEO da CAPPINI, Raphael Grigoletto, e sócios, parceiros e os diretores do Granja Marileusa, André Fructuoso e Flávio Resende.

“Estamos muito felizes em realizar nosso primeiro projeto da cidade e principalmente no Granja Marileusa, referência em smart cities e que nos dará as bases necessárias para implementar nossos diferenciais de desenvolvimento. A garantia é de um apartamento de muita qualidade, tecnologia e sustentável”
Raphael Grigoletto, CEO da CAPPINI.

“Queremos trazer esse novo conceito de tecnologia e sustentabilidade em um único lugar, onde a pessoa possa morar, viver e trabalhar”
André Luiz Fructuoso – Superintendente da Algar Patrimonial


O EMPREENDIMENTO

O edifício residencial terá 6,2 mil metros quadrados de área construída, com entrega prevista para junho de 2019. Os apartamentos terão dois quartos e área de lazer completa com piscina, churrasqueira, salão de festas infantil e adulto, além do espaço fitness.

Além de tecnologia e sustentabilidade, o empreendimento também terá impacto social, com investimento de cerca de R$ 20 milhões, ele deve gerar 3,5 mil empregos diretos e 10 mil indiretos.


DIFERENCIAIS DE SUSTENTABILIDADE E TECNOLOGIA

O processo construtivo inteiro tem base sustentável, desde a viabilidade até a manutenção do edifício em toda a sua vida útil. Além disso, o acesso social ao prédio é feito por uma passarela cercada de árvores e arbustos. A escada será aberta e arborizada, com vista privilegiada da cidade. Um jardim com bancos e floreiras complementa o projeto.

Outro diferencial é a arquitetura, que favorece a iluminação e ventilação natural, promovendo economia de energia para os moradores. Além disso, outras possibilidades estão sendo avaliadas, que buscam unir tecnologia, conforto, sustentabilidade e qualidade de vida. A implantação de outras soluções, tais como a lixeira inteligente e um software de reconhecimento facial, está sendo avaliada a partir de uma pesquisa de mercado.

“A sociedade está mudando de uma forma mais rápida. Então, os empreendimentos precisam falar a linguagem de quem está comprando e usando”.
André Luiz Fructuoso – Superintendente da Algar Patrimonial okok