Blog

Banner Blog Granja Marileusa

Segunda matéria da série de conteúdos especiais

Granja Marileusa

Nos dias atuais, ao falar de conectividade é difícil não pensar imediatamente no contexto digital: internet, computadores, redes e informações. Não se pode negar que a tecnologia digital é um importante fator de conectividade e possibilitou uma aceleração no processo de desenvolvimento e globalização mundial. Por outro lado, a ela também creditada o atual distanciamento existente entre as pessoas, que estão cada vez mais “ilhadas” no universo dos computadores e smartphones. Prós e contras a parte, o aspecto digital de conexão está inserido dentro de uma das três escalas de conectividade que são: escala humana, funcional e organizacional.

O Granja Marileusa é um bom exemplo de aplicação das três escalas de conectividade. Com a proposta de ser um “bairro com cara de bairro” que agrega o conceito de morar, viver e trabalhar, o empreendimento foi estruturado como um dos poucos no país, que busca a integração com pessoas e empresas do bairro, com a cidade onde está inserido e também com o restante do país. E foram diferenciais como este que ofereceram condições para que fosse homologado como 1o Micropolo de Tecnologia de Uberlândia.


Conectividade humana

 Perspectiva de área de convivência

A conectividade humana diz respeito a capacidade de troca de informações, interação, convívio e relacionamento das pessoas.

Nesse sentido, é importante ressaltar que o Granja Marileusa foi estruturado de forma a privilegiar a escala humana, a devolver às pessoas o convívio entre elas. Um empreendimento aberto, com local de trabalho, comércio, serviços, residência e inúmeros espaços de convívio como cinema, restaurantes ao ar livre, parques, hotéis, escolas, salão de convenções e áreas verdes.

Para Thomaz Assumpção, diretor da Urban Solutions, o Granja Marileusa “é um empreendimento que resgata a qualidade de vida das pessoas, com a construção de uma área multiuso, um lugar de encontro, de troca, do novo, da experiência enriquecedora no convívio com o outro, onde elas vivem e trabalham, com segurança e conforto”.

De acordo com o consultor de estratégia, Flávio Augusto de Oliveira, o foco na escala humana está diretamente relacionado com a inovação e a criatividade. “Lugares funcionais, bem planejados, onde as pessoas interagem mais e estão mais conectadas favorecem a criação de ideias inovadoras e despertam a criatividade. Por isso, faz todo sentido empresas de base tecnológica, que vivem de inovação, buscarem ambientes como o Granja Marileusa para instalarem as suas empresas. Aqui, elas vão encontrar o melhor ambiente, profissionais e recursos tecnológicos para atuar com vantagem competitiva no segmento de TI”, explica o consultor.

Conectividade Local

Mapa de conectividade do bairro

O segundo aspecto de conectividade do Granja Marileusa, acontece em uma esfera local, que está ligada à estrutura e localização estratégica do bairro. Ele faz a conexão entre o Distrito Industrial de Uberlândia – segundo pólo econômico e gerador de riqueza de Minas Gerais – e o Aeroporto Tenente Coronel Aviador César Bombonato – quinto maior aeroporto regional do país.

De acordo com diretor de operações do Granja Marileusa, Flávio Resende, o fluxo rápido e a facilidade de conexão com outros bairros de Uberlândia foi um dos fatores responsáveis pela homologação do bairro como primeiro Micropolo de Tecnologia da cidade.“Temos um entroncamento viário muito forte, que forma uma cadeia produtiva no entorno onde 80 mil pessoas cruzam o bairro, aumentando o interesse de redes hoteleiras e empresas que queiram se instalar”, ressalta o diretor.

Conectividade Macro

Mapa de conectividade de Uberlândia

O terceiro conceito de conectividade do bairro está ligado a uma esfera macro ambiente, que diz respeito a rápida conexão que Uberlândia tem com os grandes centros do país, seja via terrestre ou aérea.

Confira outros destaques de conectividade de Uberlândia:

  • Está até uma hora de voo de grandes cidades tais como São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e Goiânia.
  • Se conecta às principais rodovias do Brasil.
  • Possui o 5º Aeroporto Regional com previsão de 1,2 milhões de passageiros.
  • Está entre as vinte melhores cidades do país para se viver de acordo com a revista América Econômica Brasil de 02/2015.
  • Entre as 20 melhores cidades para se criar filhos de acordo com a pesquisa elaborada pela Delta Economics & Finance, para o portal Exame.com 03/2015.
  • Considerada a melhor cidade, até um milhão de habitantes, de Minas Gerais (o Brasil) para se investir em imóveis conforme o site Exame.com.br em 02/2015.
  • Hub do Triângulo Mineiro.
  • Cidade universitária com 13 instituições de ensino superior com 41 mil alunos.
  • Uma das 30 cidades que mais geraram empregos de acordo com a revista Exame de 08/2013.

Série especial Micropolo de Tecnologia do Granja Marileusa

Especial Infraestrutura